menu

Notícias

Sistema OCB lança programa Aceleracoop

Entre os objetivos está o de fornecer soluções voltadas à melhoria dos processos gerenciais de gestão e de governança de cooperativas

Publicado em 21/09/2021

 

O Sistema OCB lançou nesta quarta-feira (15) o programa Aceleracoop, com o objetivo de fornecer soluções voltadas à melhoria dos processos gerenciais de gestão e de governança de cooperativas, bem como seu fortalecimento para uma participação no mercado focada na ampliação dos resultados econômicos e financeiros. O programa é realizado pelas unidades estaduais e conta com o apoio Confederação das Cooperativas Alemãs (DGRV).

Segundo a superintendente do Sistema OCB, Tânia Zanella, esse é um programa criado especificamente para cooperativas agropecuárias das regiões Norte e Nordeste, de pequeno porte, com faturamento até R$ 100 milhões por ano.

“Nós percebemos que muitas dessas cooperativas estão há anos no mesmo estágio de crescimento. Elas sobrevivem ou estão estagnadas e têm dificuldades para crescer e aumentar os benefícios aos seus cooperados. Como causas para isso, temos questões que envolvem a baixa profissionalização e pouca capacidade de analisar seu mercado, de conhecer seus clientes e a concorrência e de não dispor de técnicas para pensar o futuro e a evolução do negócio. Com o tempo, os cooperados podem começar a reduzir suas transações com a cooperativa, enfraquecendo o vínculo. Queremos evitar isso”, explica Tânia.

 

Metodologia

De acordo com a gerente de Desenvolvimento Organizacional do Sistema OCB, Susan Miyashita Vilela, a metodologia do programa é baseada no diagnóstico do negócio da cooperativa. A partir disso, são elaborados a reflexão estratégica, matriz de cooperação e um de plano de ação, com o estabelecimento de parcerias para atendimento das lacunas e oportunidades identificadas e oferta de soluções de desenvolvimento humano e organizacional.

“Essa metodologia tem foco nos seguintes pilares: organização do quadro social para a produção, desenvolvimento ou aperfeiçoamento da produção, gestão e governança, agregação de valor ou verticalização da cadeia, mercado. A ideia é acompanhar a cooperativa por um tempo, para que ela consiga ser a protagonista do processo e estar comprometida com todas as ações do programa”.

 

Participe

Para participar, basta que a cooperativa interessada procure o apoio da unidade estadual. Atualmente, o programa inicia com as cooperativas dos estados de Pará e Rondônia, e se dará o início da multiplicação da metodologia para os estados do Ceará e Pernambuco.

Fonte: Sistema OCB 

keyboard_arrow_up